Memorial da Imigração Judaica

Home » Nas Ondas do Mundo » Quadros » Memorial da Imigração Judaica

Museu narra a história do fluxo migratório dos judeus ao Brasil.

 

Interação dos visitantes com o acervo do memorial.

No Almanaque Gazeta, o apresentador Gilles Sonsino e o estagiário Arthur Beltrame (4º ano de Jornalismo) conversaram com o professor Reuven Faingold, historiador responsável pelos projetos educativos do Memorial da Imigração Judaica.

Localizado na Kehilat Israel, sinagoga mais antiga de São Paulo, o memorial narra o processo de migração dos judeus ao Brasil e os principais elementos da cultura semita, utilizando, para tanto, recursos tecnológicos e visuais para conferir uma imersão a quem visita o museu.

Reuven Faingold, no decorrer da entrevista, comentou sobre a reinauguração da sinagoga que suporta o memorial, o principal objetivo da instituição, os períodos da história judaica que são contemplados no acervo, a origem dos objetos em exposição e vários detalhes acerca do museu.

Ouça na íntegra:

Clique aqui e baixe o arquivo em mp3.

Serviço

Endereço: R. da Graça, 160 – Bom Retiro, São Paulo

Horários: Segunda à sexta-feira, das 09h às 17h

Entrada gratuita