Febre em crianças

Home » Entrevistas » Febre em crianças

Medicar ou não, eis a questão

Entre os quadros que mais preocupam os pais e que mais os levam a uma consulta de emergência, talvez a febre ocupe um dos primeiros lugares. E, em grande parte das vezes, os pais já medicam os filhos para esse quadro, até mesmo sem medir a temperatura da criança.

Em entrevista para o programa “Bom Dia Gazeta”, o pediatra e homeopata Moises Chencinki reforça a ideia de que a febre não é uma doença, mas sim um sintoma. E, além disso, explica porque não é necessário e nem recomendável usar o antitérmico para uma elevação de temperatura qualquer.

Entrevista explica quando a febre deve ser medicada.

Clique aqui e baixe o arquivo em mp3.

Comentar

Seu e-mail nunca é divulgado. Os campos obrigatórios são marcados com *