Esportes

Home » Esportes » Esportes

Esportes

“Rádio Gazeta AM” e “esportes”, duas linhas que seguem juntas nas mentes de esportistas e torcedores, de todas as modalidades de torneios, campeonatos e olimpíadas, entre as mais variadas expressões esportivas.

Esta tradição é mantida pela atual equipe da emissora, gerenciada pelo professor Pedro Vaz, que relata sobre a manutenção desse formato: “O nome Gazeta, historicamente é um sinônimo de esportes, por tudo que representa e promoveu nesta área ao longo de décadas. A partir de 1963, a cobertura esportiva passa a ser uma marca da rádio Gazeta.

Antes, porém, dessa fase da emissora, o nome Gazeta já carregava a tradição impressa no jornal de mesmo nome, do conglomerado de comunicação criado pelo empresário e jornalista Cásper Líbero. Seguindo os ideias e êxitos desse grande homem preservamos diariamente esta cultura, que nos proporciona prestígio e a satisfação de nos integrarmos ao nome  Gazeta, tão reconhecido e respeitado”.

A tradição mencionada pelo professor Pedro Vaz, tem origem quando o empresário Cásper Líbero, em 1918 passa a atuar no jornal, “A Gazeta”, veículo que se tornou um dos mais importantes e respeitados órgãos de imprensa de São Paulo da época.  Cásper Líbero criou no vespertino uma série de cadernos especializados. Destes projetos surge o suplemento “A Gazeta Esportiva” em 1928, que a partir de 1947, ganha independência e passa a ser um jornal de circulação diária. Nesse mesmo período, foram instalados alto-falantes na sede do periódico, para que a população pudesse acompanhar as transmissões de jogos de futebol. O Vale do Anhangabaú, na região central da cidade de São Paulo transformou-se numa verdadeira rádio popular.

Cásper Líbero lançou ainda “A Gazeta Infantil”, a primeira publicação jornalística destinada às crianças; “A Gazeta Juvenil”; “A Gazeta Magazine” (um caderno literário-cultural, que contou com a colaboração de consagrados escritores do Brasil) e “A Gazeta Esportiva Ilustrada”, que circulou de 1953 a 1967.

Apaixonado pelo esporte, Cásper Líbero atuou na direção do jornal “A Gazeta Esportiva”, promovendo eventos esportivos importantes, como a “Prova Ciclística  9 de Julho” e a “Corrida de São Silvestre”.  Esta prova nasce da inspiração que o empresário teve em  1924, após assistir a uma competição  de pedestres, em Paris. A partir da realização no Brasil, em São Paulo, a corrida de São Silvestre, torna-se internacionalmente conhecida, sendo a maior e mais famosa do gênero no mundo. Outras provas dos projeto de Cásper Líbero também fizeram sucesso, como a “Travessia de São Paulo a Nado”, disputada no rio Tietê, o “Torneio de futebol de várzea Cidade de São Paulo” e os “Jogos Universitários Brasileiros”.
Dessa trajetória são inúmeros os nomes de cronistas esportivos que passaram pela rádio Gazeta AM e incontáveis também as histórias que compõem os arquivos da emissora. (No link abaixo um depoimento da jornalista Regiani Ritter, veterana e pioneira, entre as jornalistas a realizar cobertura esportiva. Ela é também reconhecida pela Associação dos Cronistas Esportivos do Estado de São Paulo, que criou em 2010 o troféu “Regiani Ritter”, para agraciar as jornalistas que se destacam na editoria de esportes, dos mais variados veículos de comunicação do país.

É extensa a lista de nomes dos renomados profissionais que passaram pelos microfones da prestigiada rádio Gazeta AM: Alberto Chammas, Alberto Helena Júnior, Alessandro Jodar, Alexandre Silvestre, Anderson Cheni, Barbosa Filho, Carlos Aimar, Celso Cardoso, Chico Lang, Ciro José, Cledi Oliveira, Dalmo Pessoa, Eduardo Barazal, Elias Awad, Ênio Rodrigues, Fábio Luís, Felipe Zsboril, Fernado Solera, Flávio Prado, Galvão Bueno, Geraldo Blota, Henrique Guidi, Henrique Guilherme, Ivo Morganti, João Guilherme, Jorge Vinícius, José Diniz Neto, José Renato Ambrósio, Jota Júnior, Juarez Soares, Kleber Machado, Luciano do Vale, Luis Roberto De Mucio, Luiz Roberto, Marcelo Batista, Marcelo Di Lallo, Marcos Roberto, Mario Moraes, Mauro Betting, Michelle Gianella, Milton Peruzzi, Natalie Gedra, Osmar Garrafa, Osmar Santos, Oswaldo Pascoal, Paulo Soares, Pedro Luiz Júnior, Ricardo Spinelli, Ricardo Wagner,  Roberto Avallone, Roberto Petri, Rubens Pecce, Silvio Valente, Silvio Vidoto, Vital Bataglia, Wanderlei Ribeiro, Zancopé Simões.