Com Amor, Brigitte

Home » Educação e Cultura » Variedades » Com Amor, Brigitte

Por meio de três linguagens – teatro, vídeo e performance –, a peça retrata os quatro dias em que Brigitte ficou reclusa no Rio de Janeiro.

 

Ícone da beleza, da sensualidade e da moda, Brigitte Bardot veio ao Brasil nos anos 60 e sua visita à Búzios ficou internacionalmente conhecida, mas o que pouca gente sabe é que antes de chegar ao balneário a atriz teve que ficar quatro dias reclusa no Rio de Janeiro para fugir do assédio da imprensa e dos fãs.

Sobre este curto período em que a diva ficou reclusa, a peça “Com Amor, Brigitte” – dirigido por Fábio Ock – discute os limites entre os direitos à intimidade, à vida privada, a liberdade de expressão e informação no mundo atual.

Em entrevista para o programa “Revista Geral”, a locutora Regiani Ritter conversou com a atriz Bruna Thedy sobre o enredo da peça, a questão do incentivo governamental e o que a levou a cursar jornalismo, já que seguiu a carreira artística.

Ouça aqui!

Clique aqui e baixe o arquivo em mp3.

Serviço

Local: Teatro Masp – Pequeno Auditório
Endereço: Av. Paulista, 1578
Dias e horários: Sexta e sábado, às 21h; e domingo, às 19h
Ingressos: Sexta e domingo (R$ 50) e sábado (R$ 60)