Bailarina Bárbara Freitas

Home » Entrevistas » Bailarina Bárbara Freitas

Danças típicas do Brasil e Senegal são representadas em Ethos

 

A bailarina Bárbara Freitas, que estreou recentemente na Fundação Nacional de Artes (FUNARTE),  apresentará o solo Ethos na Marquise da Praça do Patriarca na sexta-feira (16) e sábado (17), a partir das 17 horas. E em entrevista à equipe do Bom Dia Gazeta, a bailarina conta sobre conhecimento adquirido em Senegal para compor o espetáculo Ethos. Bárbara Freitas também tem conhecimento e prática das danças brasileiras, como o maracatu e o cavalo marinho, e da dança contemporânea africana.

Durante o bate-papo com a locutora Renata Câmara, a bailarina comenta sobre a utilização de diversos elementos para compor sua dança, muitos deles inspirados na cultura popular brasileira, como o caboclo da dança, que no carnaval pernambucano, a figura é representada por homens com roupas coloridas e alegóricas.

Bárbara Freitas ressalta que Ehos não é uma obra de improvisos, mas que há movimentos e “células” de coreografias que criam possibilidades poéticas no local da dança. O trabalho teve a iluminação criada por Beto de Faria e colaboração do artista Marcus Braga.

Ouça aqui!

Entrevista com a bailarina Bárbara Freitas:

Clique aqui e baixe o arquivo em mp3.

Serviço:

Dias 16 e 17 de outubro, sexta-feira e sábado, às 17 horas na Marquise da Praça do Patriarca.
Endereço: Praça do Patriarca, sem número – Sé – São Paulo.
Classificação Indicativa: Livre
Duração: 35 minutos